Gov-01

Amazonas recebe do Hospital Albert Einstein doação de 24 mil litros de álcool em gel e cem mil máscaras

Essa foi a primeira doação desse tipo realizada pelo Hospital Albert Einstein durante a pandemia do Coronavírus e o Amazonas foi escolhido pela instituição para ser o primeiro Estado a receber esse material.

O Governo do Amazonas recebeu do Hospital Israelita Albert Einstein uma doação de 24 mil litros de álcool em gel e cem mil máscaras, que serão distribuídos para as unidades da Secretaria de Saúde (Susam) que realizam o atendimento e tratamento de pacientes com Covid-19, na capital. Parte do material chegou à Manaus no final da noite de segunda-feira (20/04).

Os insumos foram desembarcados no hangar do Governo do Estado, no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes e encaminhados à Central de Medicamentos do Amazonas (Cema). Por conta da capacidade de transporte da aeronave, que era de até três toneladas de carga, o Governo do Estado vai enviar uma nova aeronave nesta terça-feira (21/04), para trazer outra parte do material.

Chegaram à cidade as cem mil máscaras e 3.240 unidades de 500ml de álcool em gel, cerca de dois mil litros dos 24 mil doados. Essa foi a primeira doação desse tipo realizada pelo Hospital Albert Einstein durante a pandemia do Coronavírus e o Amazonas foi escolhido pela instituição para ser o primeiro Estado a receber esse material.

A secretária de Saúde, Simone Papaiz, falou sobre a importância da chegada desses itens para a rede pública de saúde do Amazonas, principalmente pela dificuldade que os Estados têm encontrado para adquirir esse tipo de item.

“Todo o apoio que pudermos receber é bem-vindo e esses insumos que o Hospital Albert Einstein nos enviou serão fundamentais para o trabalho que estamos realizando, já que serão distribuídos aos profissionais que estão atuando nas nossas unidades”.

De acordo com o médico Sidney Klajner, presidente da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein, a ação está alinhada ao compromisso da organização na responsabilidade social e no trabalho permanente para melhorar a qualidade da assistência à saúde dos brasileiros.

“O Einstein nasceu com o propósito de trabalhar em prol da saúde brasileira. Neste momento em que o País atravessa uma situação tão dramática, temos muita satisfação em poder ajudar mais vez, especialmente a população manauara”, afirmou o médico.

SECOM AM

FOTO:ARTHUR CASTRO/SECOM

Postado por Carlos Frazão/JI

 

você pode gostar também