Bois de Parintins se apresentam nos Estados Unidos

Danças e culturas dos festivais do Amazonas reunidos no palco mais disputado do mundo – Foto: Divulgação

O Amazonas no centro das atenções de uma das mais importantes casas de espetáculos da capital dos Estados Unidos: o Kennedy Center. Durante dois dias, a cultura, a arte, a beleza e o talento dos artistas amazonenses encantaram as mais de duas mil pessoas que prestigiaram os shows no espaço Millenium Stage, no Kennedy Center.

As apresentações fazem parte da programação da Semana do Amazonas em Washington, organizada pelo Governo do Estado, em parceria com a Embaixada do Brasil em Washington, e tem o objetivo de promover o Estado como um dos principais destinos turísticos do Brasil.

No dia 05 de setembro, a magia do Festival Folclórico de Parintins tomou conta do local. Fizeram parte do show os bois Caprichoso e Garantido acompanhados dos itens Sinhazinhas da Fazenda, Cunhãs-Poranga, Porta-Estandarte e Pajés, além dos dançarinos dos grupos oficiai dos bumbás como o Corpo de Dança Caprichoso (CDC) e Somos Um Show do Garantido.

A brasileira Adriana Carvalho, que mora nos Estados Unidos há seis anos, disse que ficou muito emocionada a sentir de perto a força do Festival Folclórico de Parintins. “Eu nunca tinha visto de perto o Festival de Parintins foi a realização de um sonho. Emocionante quando começou os bois, os cantores todos juntos. O público entrou no clima foi muito bonito de ver”.

A segunda apresentação trouxe um pouco do Festival de Cirandas de Manacapuru, a música popular amazonense com os artistas Zezinho Correa e Marcia Siqueira e mais boi-bumbá, levando o público a mais uma viagem pelo Amazonas.

Para o presidente da Amazonastur, Nickolas Cabral dos Anjos, o Amazonas foi premiado em poder apresentar toda sua força cultural e turística no Kennedy Center. “Aqui é uma casa de espetáculo mais disputada em Washington. Aqui pode ocorrer 33 espetáculos ao mesmo tempo, e hoje, a cultura amazonense foi premiada com esse espaço. Foi uma conquista do Governo do Estado, que uniu em um só palco os Festival de Parintins e de Ciranda, duas de nossas principais festas. Tudo isso faz parte da Semana do Amazonas que começou no dia 31 de agosto, no qual tem uma programação extensa e repleta de produtos amazônicos”, disse o presidente da Amazonastur.

O norte-americano John Stuart, que sempre frequenta Kennedy Center, disse que estava acostumado com apresentações mais clássicas, mas queria ver um show mais empolgante. “Esperava ver um show assim como foi, empolgante e que dá vontade de levantar e dançar. Foi um show muito bonito, interativo e amei”, completou.

Já a Elisa Pifer Macaulin foi enfática ao dizer que assistiu uma das melhores apresentações da vida dela. “Essa apresentação surpreendeu a todos. A intenção dos itens foi muito boa e o público gostou muito foi maravilhoso. Foi um dos melhores espetáculos que já vi na vida” destacou.

 

 

www.deamazonia.com.br