Caprichoso define toadas finalistas para escolha da galera em audição pública em Parintins

De 64 toadas, 17 obtiveram média classificatória para a fase final que acontece no dia 31 de outubro

 

Dezessete toadas estão classificadas para a etapa final de seleção do repertório do CD Caprichoso 2016 “Viva Parintins”. Esse foi o resultado do trabalho de dois dias de audição das obras musicais realizada nos dias 24 a 25 de outubro em Manaus, a seleção foi específica para um corpo de jurados composto por mais de 10 pessoas ligadas ao Boi Caprichoso.

Dos 17 convidados a participar do corpo de jurados, Manaus contou com a participação efetiva de 14 jurados, representando pelos mais diversos segmentos do boi, sendo else músicos, compositores, interpretes, ritmistas, dança, torcidas e personalidades históricas, todos identificados com o boi Caprichoso e, em sua Grande maioria, parintinenses.

Em dois dias de audição, foram avaliadas 64 toadas livres e genéricas, das quais 17 toadas obtiveram a média igual ou superior a 7,0 (sete) sendo assim, classificadas para a etapa de audição popular, em Parintins.

O processo de votação foi cem por cento eletrônico, via sistema on-line, cujo OS jurados acompanharam a letra das toadas pelos próprios smartphones, tablets ou notebooks. Cada votante possuía sua senha individual e não tinham acesso ao Nome dos compositores das toadas. Os nomes das toadas e seus respectivos compositores somente eram revelados após o termino DA votação.

Na fase anterior, de análise documental, que era de caráter eliminatório, 18 toadas não atenderam ao especificado no Edital e foram desclassificadas. Todas as decisões foram lidas ao corpo de jurados, em ata lavrada pelo presidente do conselho musical, o sócio do Caprichoso e juiz de direito, Dr. Mauro Antony.

“Apesar de muitas inscrições, foram avaliadas apenas as toadas enviadas dentro do prazo estipulado no edital. Ficamos bastante satisfeitos com o processo de escolha, e acreditamos que a galera azul e branca vai ficar bastante feliz com as toadas pré-selecionadas. O processo de escolha continua no próximo dia 31, sendo aberto ao público”, frisou Mauro Antony.

Para manter a lisura DA audição seletiva bem como a votação das toadas concorrentes, a comissão convidou o fiscal e sócio do Caprichoso, o advogado Rodrigo Carvalho, para auditar todo o processo. “O processo de seleção foi realizado de forma moderna e segura para fortalecer a imparcialidade buscada pelo nosso estatuto. Os concorrentes podem ter total segurança na decisão dos jurados e na lisura do processo” assegurou.

Estiveram presentes na audição, o ex-levantador de toadas e apresentador Arlindo Júnior, e a eterna cunhã-poranga do Boi Caprichoso, a jornalista Daniela Assayag. Na ocasião Daniela entregou a Arlindo o certificado de item 2014.

Daniela também falou DA seleção de toadas, que OS compositores estão cada vez mais inspirados, assim como o processo de escolha que está mais seguro, democrático e tecnológico. “Estou emocionada de participar, o boi está cada vez mais profissional, ajudar o Caprichoso me faz muito feliz, vejo o boi como uma Grande família, estou sempre disposta a contribuir com o boi no que eu puder”, completa.

No dia 31 de outubro, o boi campeão do jubileu de ouro do festival de Parintins realiza a fase final DA seleção de toadas, a audição aberta ao público (voltada a torcedores e sócios) no Clube Caprichoso, em Parintins, a partir das 20h.

 

Assessoria de Imprensa Boi-Bumbá Caprichoso

você pode gostar também