Campanha Caburi

COCA-COLA BRASIL COMEMORA 25 ANOS DA FÁBRICA DE CONCENTRADOS NA ZONA FRANCA DE MANAUS

Recofarma foi a maior exportadora do Polo Industrial de Manaus pela Federação das Indústrias do Estado do Amazonas pela oitava vez consecutiva

A fábrica de concentrados da Coca-Cola na Zona Franca de Manaus (ZFM), a Recofarma, está completando 25 anos de funcionamento em 2015. A Recofarma é líder da exportação do Polo Industrial de Manaus há oito anos, foi a 1ª indústria do PIM a obter a certificação LEED (Selo Fábrica Verde) na categoria verde e, pela sétima vez, está entre as Melhores Empresas para se Trabalhar no Brasil, de acordo com a Pesquisa GPTW Institute, contabilizando mais de 40% das posições de liderança composta por mulheres. Hoje, mais de 11 mil famílias na região têm renda garantida graças à operação de concentrados e à cadeia de valor formada para o fornecimento de produtos, serviços e matérias-primas.

O Diretor de Operações para as Fábricas de Concentrados da Coca-Cola na América Latina, Jório Veiga, destacou que “o que muito nos orgulha é que impactamos a vida de 11 mil famílias em todas as regiões do Amazonas, e não apenas na capital. Nossa cadeia de valor leva renda ao interior, onde as oportunidades são naturalmente mais raras que em Manaus, o que ainda favorece a preservação da floresta”.

A unidade abastece todas as fábricas do Sistema Coca-Cola Brasil, quarto maior mercado de Coca-Cola no mundo, e exporta concentrado e base de bebidas para países como Colômbia e Paraguai.

Pioneira no polo de concentrados, tendo atraído outras empresas e fornecedores, a fábrica trabalha com mais de 197 fórmulas para o Brasil e mercados de exportação. Entre 2004 e 2014, a unidade exportou US$ 1,7 bilhão. “O desempenho rendeu à Recofarma o Prêmio de maior exportadora da região da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas, pelo oitavo ano consecutivo”, comentou Veiga. A Recofarma foi a primeira empresa do Amazonas a ultrapassar a barreira dos US$ 100 milhões/ano em exportação.

 

A COCA-COLA BRASIL E O ESTADO DO AMAZONAS

A Coca-Cola Brasil tem uma longa parceria com o estado e com o povo amazonense. São mais de 40 anos de relacionamento da companhia com a região, tanto pela instalação da Recofarma na Zona Franca de Manaus (ZFM), como pelo Grupo Simões – fabricante da região norte. Além disso, a Coca-Cola também se faz presente por meio de apoios a programas socioambientais e culturais: acaba de completar 21 anos de patrocínio ininterrupto ao Festival de Parintins.

Para o Amazonas, a Coca-Cola dedica um programa especial de incentivos, principalmente voltados à preservação da Floresta Amazônica, à capacitação da mão de obra local, ao desenvolvimento das cadeias produtivas ligadas ao seu negócio, e à sustentabilidade de toda a região por meio de sua plataforma de valor compartilhado, o Coletivo Coca-Cola.

A Coca-Cola Brasil também é mantenedora da Fundação Amazonas Sustentável desde 2009. Além do Festival de Parintins, outros importantes projetos na área da Cultura apoiados pela empresa são o Festival de Jazz e de Cinema de Manaus, além Feira Internacional do Amazonas (FIAM).

 

SOBRE A COCA-COLA BRASIL

O Sistema Coca-Cola Brasil é o maior produtor de bebidas não alcoólicas do país e atua em sete segmentos – águas, chás, refrigerantes, néctares, energéticos, bebidas esportivas e lácteos – com uma linha de mais de 125 produtos, entre sabores regulares e versões de baixa caloria. Composto por 10 grupos parceiros de fabricantes, o Sistema emprega diretamente 66 mil funcionários, gerando cerca de 600 mil empregos indiretos. Em 2015, o total investido na operação no Brasil será de R$ 2,7 bilhões, reforçando a continuidade do compromisso da Coca-Cola Brasil com o país: entre 2012 e 2016, terão sido investidos R$ 14,1 bilhões, valor 50% superior ao dos cinco anos anteriores. O Sistema Coca-Cola Brasil está empenhado em incentivar iniciativas que apoiem um estilo de vida ativo e saudável e que melhorem o desenvolvimento econômico e social das comunidades em que opera. Para isso, conta com uma plataforma de valor compartilhado, o Coletivo Coca-Cola, que já impactou a vida de mais de 100 mil pessoas por meio de toda a cadeia de valor da empresa.

 

Simone Marques/Comunicação Textual

 

você pode gostar também