Carnailha 2020

COMANDO DO 11° BATALHÃO COMEMORA DIA DA BANDEIRA COM RITUAL DE HASTEAMENTO E INCINERAÇÃO DE BANDEIRAS, EM PARINTINS

A bandeira nacional foi hasteada às 12h pelo Tenente-coronel Corrêa Júnior na presença da tropa perfilada.

A incineração, como reza o regulamento militar, foi procedida pela “praça mais antiga” presente na cerimônia, 1° Sargento PM A. ROCHA.

 

O comandante do 11° Batalhão de Polícia Militar Tenente-coronel Corrêa Júnior comandou na manhã desta terça-feira (19) a Cerimônia de incineração das bandeiras inservíveis da unidade de Parintins (à 369km de Manaus). A solenidade ocorreu no pátio do Quartel do 11° Batalhão de Polícia Militar para realizar o ritual de hasteamento do pavilhão nacional e a incineração das bandeiras inservíveis, seguindo a tradição das forças armadas que normatizaram essa cerimônia.

A bandeira nacional foi hasteada às 12h pelo Tenente-coronel Corrêa Júnior na presença da tropa perfilada. A incineração, como reza o regulamento militar, foi procedida pela “praça mais antiga” presente na cerimônia, 1° Sargento PM A. ROCHA. Para Corrêa Júnior “ realizar essa cerimônia é manter viva a tradição e o respeito ao símbolo nacional que representa a nação, o patriotismo e o valor cívico. Faz parte de nossa cultura militar”.

*19 DE NOVEMBRO – DIA DA BANDEIRA*

No dia 19 de novembro comemora-se o Dia da Bandeira do Brasil, essa comemoração passou a fazer parte da história do país após a Proclamação da República, no ano de 1889. Com o fim do período Imperial (1822-1889), a bandeira que representava o império foi substituída pela atual que reúne uma série de detalhes obrigatórios que devem ser obedecidos, de acordo a com a legislação.

 

P5 do 11°Batalhão de Polícia – CPR LESTE.

Postado por Carlos Frazão/JI

você pode gostar também