Diocese de Parintins convida fiéis para a Missa dos Santos Óleos

O pároco da catedral de Nossa Senhora do Carmo, Dorival Nascimento, lançou um convite para a Santa Missa desta Quinta-Feira, às 19:30h.

 

 

“Nesta noite de grande comunhão em nossa diocese, nos reunimos com todo o presbitério da diocese de Parintins junto de seu pastor D. Giuliano para viver a alegria do ministério ordenado, do chamado de Deus para servir à igreja e para reafirmar os compromissos assumidos no dia da ordenação presbiteral.

Esta missa quer ser um sinal de unidade da Diocese em torno de seu bispo. Todos somos membros da Igreja de Cristo, ainda que com dons e carismas diversos. E, com a graça de Deus queremos ser fieis à fé recebida no Batismo.

Esta missa somente se celebra nas catedrais e é também denominada “Missa dos Santos Óleos” ou “Missa do Crisma”, porque nesta Eucaristia serão abençoados os óleos e consagrado o Crisma utilizados na celebração dos sacramentos durante todo o ano. Unidos numa só fé, como Igreja peregrina, entoemos a marcha da Igreja”, disse o padre Dorival Nascimento.

 

Você sabe o que é a Missa dos Santos Óleos?

Todos os anos na Quinta-feira Santa, as dioceses se reúnem em suas catedrais para a celebração da Missa do Crisma. Mas, você sabe qual o simbolismo desse momento para a Igreja?

Durante esta celebração, se abençoa o óleo dos catecúmenos e dos enfermos e se consagra o óleo do Santo Crisma, daí, a celebração ser também chamada de

Missa dos Santos Óleos’.

Após o término do rito, os padres voltam para suas comunidades levam a porção dos óleos para que possa ocorrer a prática dos sacramentos dos seus fiéis.

Nela também se renovam as promessas sacerdotais pronunciadas no dia da ordenação, sendo também chamada de ‘Missa da Unidade’, expressando a comunhão diocesana em torno do Mistério Pascal de Cristo, constituindo um momento forte de comunhão eclesial, de participação intensa das comunidades e de valorização dos sacramentos da vida da Igreja.

O bispo, se necessário, pode antecipar a celebração. Em algumas dioceses, ela é celebrada na Terça-feira Santa.

Entenda o significado dos óleos:

– Óleo dos Catecúmenos: Concede a força do Espírito Santo aqueles que serão batizados para que possam ser lutadores de Deus, ao lado de Cristo, contra o Espírito do mal.

– Óleo dos Enfermos: É um sinal utilizado pelo sacramento da Unção dos Enfermos, que traz o conforto e a força do Espírito Santo para o doente no momento de seu sofrimento. O doente é ungido na fronte e na palma das mãos.

– Óleo do Crisma: É um óleo utilizado nas unções consacratórias dos seguintes sacramentos: depois da imersão nas águas do batismo, o batizado é ungido na fronte; na Confirmação é o símbolo principal da consagração, também na fronte; depois da Ordenação Episcopal, sobre a cabeça do novo bispo; depois da ordenação sacerdotal, na palma das mãos do néo-sacerdote.( /www.a12.com/)

 

 

Carlos Frazão/JI

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here