Gov-01

Dívidas trabalhistas de ex-presidentes levam Curral e Escolinha do Boi Caprichoso a leilão

A intimação foi recebida pelo atual presidente Jender Lobato nessa terça-feira, 09 de junho, motivada por dívidas trabalhistas pendentes.

Dois dos principais patrimônios do Boi Caprichoso, o Curral Zeca Xibelão e a Escola de Artes “Irmão Miguel de Pasqualle”, irão a leilão a pedido do juiz titular da 1ª Vara do Trabalho de Parintins, Izan Alves Moreira Filho. A intimação foi recebida pelo atual presidente Jender Lobato nessa terça-feira, 09 de junho, motivada por dívidas trabalhistas pendentes.

 

O ex-presidente do Boi Caprichoso, Babá Tupinambá em contato com O Jornal da Ilha esclareceu que assumiu o bumbá com dívidas trabalhistas em torno de R$ 2,4 milhões. “Em 2018 fizemos uma negociação com o juiz do trabalho em audiência com todos os envolvidos e fizemos o parcelamento da dívida em 3 parcelas, mas conseguimos pagar somente a primeira parcela de quase R$ 1 milhão”.

 

Para o não pagamento da segunda parcela, o ex-presidente azulado justifica dificuldades no seu último ano de mandato, principalmente pela perda de patrocínios, mas disse surpreso com a notícia do leilão dos bens. Com o não pagamento da dívida, o débito do Caprichoso subiu para R$ 5,2 milhões, levando a leilão os bens do bumbá. A decisão do juiz ainda cabe recurso.

 

O site tentou entrar em contato com o atual presidente do bumbá, Jender Lobato, mas as ligações foram direcionadas ao serviço de caixa postal.

 

Kedson Silva/JI

Foto: Divulgação

você pode gostar também