Leda Mara toma posse como procuradora-geral de Justiça do Amazonas

Antes de Leda (foto), a hoje desembargadora do Tribunal de Justiça do Amazonas Socorro Guedes havia sido a única mulher à frente do Ministério Público estadual (Foto: Antonio Lima)

A promotora de justiça Leda Mara Albuquerque tomou posse na tarde desta segunda-feira (15) como a nova procuradora-geral de Justiça do Amazonas do Ministério Público do Estado (MP-AM) para o biênio 2018-2020. Ela é a segunda mulher na história a assumir a chefia do MP-AM e, antes da cerimônia de posse, prometeu ter como um de seus objetivos o enfrentamento ao feminícidio.

Leda foi escolhida pelo governador Amazonino Mendes (PDT) para exercer a função após ser a mais votada da lista tríplice com 123 votos. A votação foi realizada por Promotores de Justiça e Procuradores de Justiça do MP-AM. A nova procuradora-geral recebeu a maior votação já alcançada por um candidato ao cargo.

“É um momento muito importante da minha vida porque estou assumindo a instituição da qual eu faço parte há 22 anos. Instituição que tem um papel importante, inclusive para corrigir as distorções históricas com relação à questão de gênero. Existem problemas desafiadores envolvendo a mulher que nós do Ministério Público podemos e queremos enfrentar, como, por exemplo, o feminicídio. O Brasil é o 5° país em feminicídio do mundo e nós não podemos nos conformar”, afirmou Leda.

Antes de Leda, a hoje desembargadora do Tribunal de Justiça do Amazonas Socorro Guedes havia sido a única mulher à frente do Ministério Público estadual.

A solenidade de posse de Leda Mara aconteceu na sede do MP-AM, na Zona Oeste de Manaus. Além dos membros do MP-AM participaram da cerimônia autoridades do Judiciário local, o prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB) e secretários estaduais.

Fábio Monteiro deixa o cargo

Com a posse de Leda Mara, o promotor Fábio Monteiro deixa a Procuradoria-Geral após quatro anos. Monteiro destacou o concurso público para promotores como uma das principais marcas de sua gestão e comentou a chegada de uma mulher ao comando do MP-AM.

“Com o concurso, o Interior ainda não está 100% povoado, mas melhor do que a situação em que eu o encontrei. Eu peguei o Ministério Público de maneira bem azeitada e passo para a minha sucessora com mais avanços. Tem um simbolismo muito grande. A mulher é mais sensível e tem uma visão mais profunda e subjetiva da coisa. Ela é alguém que conhece muito bem a área criminal e o combate à corrupção”, avaliou Monteiro.

Currículo

Leda Mara Albuquerque é graduada em Direito pela Universidade Federal do Amazonas (1988), foi Delegada de Polícia com atuação na delegacia da mulher (93/95), é professora universitária da UFAM, Mestre em Direito e Políticas Públicas (CEUB/ 2008), ingressou no Ministério Público do Estado do Amazonas em 1996.

É Promotora de Justiça há 22 anos, atuando inicialmente na Comarca de Parintins (1996) e, já na capital, assumiu a titularidade da 7ª Promotoria de Justiça com atuação junto à 4ª Vara Criminal. Também exerceu atividades no Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) do MP-AM e os cargos de Secretária-Geral e Subprocuradora-Geral de Justiça para Assuntos Administrativos (2014/2018).

 

Vitor Gavirati/acrítica.com/Manaus,AM