Maildson Fonseca fala sobre falta de sinalização e de responsabilidade no trânsito

O vereador Maildson Fonseca (PSDB), em pronunciamento na sessão ordinária da semana passada na CMP, falou sobre o trânsito em Parintins e disse que algumas sinalizações estão em estado precário e o semáforo do cruzamento da Rua Senador Álvaro Maia com a Avenida Amazonas não funciona há mais de três meses. “Eu imaginava que no Festival Folclórico esse problema fosse ser resolvido porque as coisas aqui costumam funcionar, mas continuou persistindo e eu acho que vai chegar o Natal e do jeito que está nós vamos ficar nessa situação”, afirmou ele. O parlamentar ainda disse que muito dos acidentes que ocorrem aqui em Parintins é de responsabilidade dos próprios cidadãos que andam em alta velocidade, entram na contra mão e não respeitam os poucos sinais que existem na cidade.

“Nós sabemos que enquanto não se efetiva a municipalização do trânsito cabe ao Governo do Estado fazer essa fiscalização. Entendemos a contingência do número de policiais em Parintins para tantas ações e aí vai também da consciência do povo que coloca não só a vida dos outros, mas a sua própria vida em risco. É preciso, portanto, que façamos parcerias com escolas, igreja e outras organizações para trabalhar a consciência do povo. É só desta forma que vamos começar a respeitar o direito de ir e vir das pessoas”, afirmou Fonseca. O vereador ainda citou o recapeamento que foi feito na Avenida Nações Unidas e disse que ficou pior do que estava, pois o Boi-bumbá Garantido ao transladar suas alegorias até o Bumbódromo danificou todo o asfalto que ainda estava recente. “O Garantido tinha que levar suas alegorias para o Bumbódromo, aliás, seria necessário fazer outros estudos para que essas alegorias fossem levadas para o Bumbódromo em horário diferenciado do pico de trânsito. Serio necessário que o presidente dessa agremiação verificasse uma alternativa para esse translado e que de forma alguma pudesse atrapalhar no fluxo de trânsito da cidade”, pediu Maildson.
 

Texto: Yasmin Gatto

Assessoria de Comunicação da Câmara de Parintins

você pode gostar também