Manauara Matheus Santaella de volta às raízes

O bom filho à casa retorna, e cantando ainda melhor do que quando partiu em busca do sucesso (Evaldo Ferreira)

 

Deixar a família, a segurança da casa dos pais e até a cidade onde nasceu em busca de conseguir alcançar os objetivos são medidas extremas de quem realmente tem foco. Foi o que fez o jovem cantor amazonense Santaella, de 21 anos, que agora volta a Manaus depois de dois anos em São Paulo, bem mais experiente na profissão e na vida, e começando a sentir o gosto de sua realização artística como cantor e compositor.

Santaella é Matheus Santaella, filho da jornalista Mônica Santaella que, como toda mãe não queria nem um pouco que o filho fosse para tão longe. Mas, como diz a música de Zezé di Camargo e Luciano, ‘por onde você for eu sigo, com meus pensamentos, sempre onde estiver, em minhas orações, eu vou pedir a Deus, que ilumine os passos seus’, ela teve que aceitar.

Matheus Santaella começou com a música ainda garoto, com 12 anos.

“Em 2011 e 2012 aconteceu a Virada Cultural Manaus. Eu me animei e consegui montar uma banda, a Sinon, com garotos da minha idade, que tocavam instrumentos. Éramos cinco. Pelos anos seguintes a Sinon continuou se apresentando, tocando o pop rock de bandas brasileiras, inclusive fazendo pré-shows de algumas dessas bandas quando vinham a Manaus, como a CPM22, Capital Inicial, Natiruts, Gloria, NX Zero e Onze:20. Eu sempre como vocal”, lembrou.

Mas os garotos ficaram adolescentes e preferiram enveredar por caminhos mais seguros que o da música. Entraram na faculdade e a Sinon se tornou apenas uma alegre diversão do passado. Matheus não pensava assim. Ele queria continuar cantando e fazer disso sua profissão. Por isso, sem os amigos, permaneceu fazendo voz e violão por um tempo até que resolveu arriscar alto. Faria a faculdade, mas em São Paulo, onde teria melhores condições de desenvolver, também, o seu lado artístico.

Sucesso num reality show

Em São Paulo, Matheus cursou a faculdade de Produção Musical e logo fez amizade com outros jovens que, como ele, também almejavam fazer sucesso com a música. Assim nasceu Santaella.

“São Paulo tem uma riqueza de possibilidades em todos os setores. Na música há espaço para todas as vertentes. Lógico, não é fácil, pois tem muita gente atrás dos mesmos objetivos, porém há também muitos espaços. Montei uma banda e hoje Santaella se apresenta em vários eventos”, contou.

Onze amigos de Matheus, sendo dois da antiga Sinon, apoiados por Santaella, se animaram a seguiram para São Paulo, em busca do sucesso como artistas.

“Minha banda tem quatro músicos e tocamos estilos variados, mas principalmente Pop MPB, blues, soul. Precisamos ser versáteis para agradar ao máximo possível de públicos”, ensinou.

“Com certeza valeu a pena ter arriscado ir para São Paulo. O mundo se abriu para mim. Abriu minha visão. Aqui eu tenho condições de viver da música”, exultou. Santaella até foi semifinalista do reality show musical ‘The Four Brasil’.

Em novembro do ano passado, o cantor/compositor lançou seu primeiro single, a música autoral ‘Hemisfério hostil’, disponível em todas as plataformas digitais: Spotify, Deezer e Apple Music.

“Em São Paulo podemos dividir os artistas da música em três categorias: os que fazem muito sucesso, estão sempre na mídia e ganham muito dinheiro; os mid stream, onde eu me classifico, que não são conhecidos nacionalmente, mas conseguem viver satisfatoriamente bem da música; e os underground, que não estão nem aí pra sucesso ou dinheiro. Querem apenas mostrar a sua arte”, informou.

Agradecimento aos fãs

De volta a Manaus, Santaella se apresentará para o público manauara hoje sexta-feira, 10, e amanhã, sábado, 11, às 20h30, no Teatro da Instalação, com apoio da SEC (Secretaria de Estado de Cultura).

O repertório do show será composto por canções autorais que deram destaque à participação do artista no ‘The Four Brasil’ como ‘Fundo em branco’, ‘Nunca limite’, ‘Estado natural’, ‘Vinte minutos’ e ‘Hemisfério hostil’, além de obras de artistas nacionais e internacionais como Djavan, Tim Maia, Beyoncé, Alicia Keys, John Mayer, Bruno Mars entre outros.

“O repertório será bem variado, mas dentro do meu estilo musical. Teremos músicas que vão do pop-rock ao R&B, passando por alguma coisa da MPB e composições autorais”, adiantou.

Santaella destacou ainda que a apresentação será dedicada a todos que torceram por sua participação no reality. “Depois de ter a responsabilidade de representar o Amazonas em um programa nacional, agora terei a responsabilidade de agradecer, por meio desse show, a todos que de alguma forma me apoiaram”, declarou.

Os ingressos para os shows de Santaella estão sendo vendidos a R$ 30 (com meia-entrada promocional válida para todos mediante doação de 1 quilo de alimentos não perecíveis, que serão doados para a Casa Vhida).

Os bilhetes estão disponíveis na plataforma eletrônica www.bilheteriadigital.com e em dois pontos físicos: a loja de produtos naturais Estrela de Anis (rua Ivanete Machado, nº 3, Parque 10, próximo ao Lanche do Edmilson) e o restaurante Deck Sushi (avenida Djalma Batista, 3.460, Flores, no Posto Shell, ao lado do Ciesa).

Serviço

O quê: Show do cantor Santaella

Quando: Sexta-feira (10) e sábado (11), às 20h30

Onde: Teatro da Instalação, rua Frei José dos Inocentes, s/nº, Centro

Entrada: Inteira a R$ 30 e meia a R$ 15  (meia promocional para quem levar 1kg de alimento não perecível)

Classificação: Livre

Informações: 9 9514-9507

 

Por Evaldo Ferreira

http://www.jcam.com.br