Gov-01

Manifestação pró-governo reúne 2 mil pessoas no Anfiteatro da Ponta Negra

De acordo com William Santos, coordenador do MIA, a intenção é garantir os direitos da população por meio do movimento popular.

Gov-02

Mesmo com o pedido do presidente Bolsonaro de suspender a manifestação por causa do coronavírus, houve eventos pró-governo em todo o País neste domingo (15) (Foto: Divulgação/Anamaria Leventi)

 

 

Cerca de 2 mil manifestantes pró-Governo se reuniram no Anfiteatro da Ponta Negra, zona oeste, na tarde deste domingo (15), segundo a coordenação do evento, o Movimento Independente do Amazonas (MIA). O objetivo da manifestação é a união da população contra o uso indevido das emendas impositivas, no valor de R$ 30 bilhões.

De acordo com William Santos, coordenador do MIA, a intenção é garantir os direitos da população por meio do movimento popular.

“As emendas impositivas seriam utilizadas pelos deputados como eles achassem melhor. Então, o [presidente da Câmara dos Deputados] Rodrigo Maia utilizaria isso de má fé, pensando na eleição do Congresso da Câmara Federal, focando na Presidência. Assim, de forma espontânea, o povo se indignou e viemos apoiar o presidente Bolsonaro e concordamos com tudo o que está sendo feito por ele”, disse.

A manifestação aconteceu em vários pontos da cidade, mas foi concentrada na Ponta Negra e na Avenida das Torres. Na região da Avenida Boulevard Álvaro Maia, alguns manifestantes gritaram que o novo coronavírus (Covid-19) “não existe” e que é “uma invenção”.

Outro coordenador do MIA, Rubson Madeira, lembrou que o movimento iniciou há algumas semanas nas redes sociais. “Devido a nova doença que está por aí, o coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro pediu que não houvesse [a manifestação], e colocamos isso nas redes sociais. Felizmente, o povo queria que a manifestação acontecesse da mesma forma. Então, decidimos continuarmos com a manifestação, mesmo com a tentativa de alguns movimentos em atrapalhar, falando que não haveria mais e que seria virtual. Não existe manifestação virtual, o povo tem que vir para as ruas, como a gente vê em Manaus, quase 2 mil pessoas presentes”, relatou.

Muitos manauaras foram para as ruas expressar seu apoio ao presidente do Brasil. O quiropraxista Berg Gomes esteve no Anfiteatro da Ponta Negra com um grupo de amigos que apoiam, além de Bolsonaro, as Forças Armadas Brasileiras.

“Nós colocamos Jair Bolsonaro na presidência, e não estamos vendo apoio do Congresso Nacional, nem do Superior Tribunal Federal. Então, estamos aqui, eu e minha amigas, apoiando o presidente e as Forças Armadas para que se o presidente precisar, ela possa agir e liberar o nosso Brasil do comunismo. Já pensou esse dinheiro todo na mão do Congresso? Para gastar com o que eles quiserem? Sendo a maioria corrupta? Então, esse dinheiro não vai para o Brasil, vai para eles também, para as campanhas e estamos aqui para impedir isso”, enfatizou o manifestante.

Anamaria Leventi / [email protected]

https://d24am.com/

Publicado por Carlos Frazão/JI

Gov-03
você pode gostar também