Gov-01

Opinião | Bolsonaro: “Estamos há 18 meses sem denúncias de corrupção”

Com a popularidade em alta, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) publicou, na manhã deste domingo (2) no Twitter, uma série de comentários nos quais defende medidas de combate à corrupção tomadas pelo atual governo.

Lava Jato e Moro

Apesar de não fazer referência direta, a publicação soa como uma resposta às críticas pela tentativa de alguns órgãos de enfraquecer a Operação Lava Jato.

O presidente também cita indiretamente o ex-ministro Sergio Moro, que recentemente criticou a atual gestão pela falta de uma agenda anticorrupção.

Maior programa

“O maior programa de combate à corrupção foi executado por mim ao não lotear cargos estratégicos, como por exemplo as presidências das estatais”, escreveu Bolsonaro no início da publicação, intitulada “Combate à corrupção / A verdade”.

Ele reforçou então que a Polícia Federal “goza de total liberdade em sua missão” e afirmou que, neste ano, a corporação contará com mais 600 profissionais e abrirá concurso para mais 2 mil vagas.

Passe de mágica

Bolsonaro então fez referência à saída de Moro do governo, ocorrida em abril, sob acusação de que o presidente teria tentado interferir politicamente na PF.

“Com a troca do Ministro da Justiça, como por um passe de mágica, várias e diversificadas operações foram executadas. A @PRFBrasil [Polícia Rodoviária Federal], por sua vez, quase triplicou a apreensão de drogas com o novo ministro”, publicou Bolsonaro.

Limites da lei

O presidente defendeu ainda que “qualquer operação, de combate à corrupção ou não, deve ser conduzida nos limites da lei, e assim tem sido feito em meu Governo. Quanto às operações conduzidas por outro Poder quem responde pelas mesmas não sou eu”.

A publicação termina criticando a imprensa e adversários políticos. “Com orgulho digo: estamos há 18 meses sem qualquer denúncia de corrupção. Isso tem incomodado parte da imprensa e os derrotados de 2018”.

#ParabénsMoro

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, fez aniversário no último sábado (1), e foi até o Twitter agradecer os internautas pelas felicitações e mensagens de parabéns pelo seu aniversário. Com a hashtag #ParabénsMoro, as pessoas comemoraram e claro, agradeceram seu maior feito, a Lava Jato.

“Viva a Lava Jato”

Uma internauta postou um vídeo de feliz aniversário ao ex-ministro, com a seguinte mensagem:

“Na terra da impunidade para onde os bandidos fugiam no final dos filmes, surgiu uma esperança…”.

E Mouro respondeu:

“Viva a Lava Jato”.

Esquenta

No sábado (1) o ex-governador do Amazonas e ex-deputado David Almeida, reuniu 240 pré-candidatos a vereador em uma espécie de ‘esquenta’ para a convenção partidária do Avante, que ocorrerá no dia 15 de setembro.

O encontro pela internet, foi decidido para prevenir contra o novo coronavírus. O Avante poderá realizar também uma convenção híbrida (digital e presencial), caso o quadro da pandemia seja favorável.

Tecnologia aproxima

“Enquanto a pandemia nos afasta, podemos dizer que a tecnologia nos aproxima, e isso nos torna muito fortes”, avaliou o pré-candidato a prefeito que também disse “E como nós ainda não temos autorização para grades eventos, a nossa convenção será dessa forma (virtual)”, explicou.

Pupunha

A pouco mais de três semanas do início das convenções partidárias, o pré-candidato a prefeitura de Manaus, Amazonino Mendes, marcou presença nesse domingo (02) na feira da Cachoeirinha. Em suas redes sociais Amazonino publicou o registro saboreando uma iguaria regional.

“Pupunha no café da manhã, você também gosta? Essa degustei lá na feira da Cachoeirinha, estava uma delícia. A fruta é calórica, por isso a orientação de comer apenas de 3 a 4 pupunhas por dia, que já garante a recomendação diária de vitamina A.”

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

 

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 98413-2214

Postado  por Carlos Frazão/JI

 

você pode gostar também