Gov-01

Opinião | Bolsonaro não vai interferir na disputa pela prefeitura de Manaus

Eleito em 2018, pelo PSL, Jair Bolsonaro venceu as eleições no Amazonas com vitória em apenas três municípios dos 62 do Estado.

Em Manaus, Bolsonaro venceu por 65,72% (686.999 mil votos) contra 34,28% (358.346 mil votos) de Haddad.

 

 

O presidente Jair Bolsonaro reiterou que não pretende interferir nas disputas por prefeituras neste ano.

“Eu tô fora das eleições municipais”, afirmou o presidente a um apoiador em frente ao Palácio da Alvorada.

No começo desse mês Bolsonaro já havia afirmado que tem “muito trabalho” em Brasília e não quer se “meter” em política eleitoral este ano.

“Não pretendo apoiar prefeito em lugar nenhum. Não tenho nem partido, para exatamente não me meter em política esse ano. Tenho muito trabalho aqui em Brasília para estar entrando em eleições municipais” disse o presidente.

Sem Aliança pelo Brasil

Fora do PSL, partido pelo qual se elegeu em 2018, Bolsonaro não conseguiu tirar do papel o seu Aliança pelo Brasil a tempo de ter candidatos nas disputas deste ano.

A sigla, fundada em novembro pelo presidente, ainda não reuniu assinaturas necessárias para obter o registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Agora só deve ficar pronto para as eleições estaduais e federais de 2022.

Retrospectiva no Amazonas

Eleito em 2018, pelo PSL, Jair Bolsonaro venceu as eleições no Amazonas com vitória em apenas três municípios dos 62 do Estado. Bolsonaro venceu por 50,27% (885.205 mil votos) contra 49,73% (875.379 mil votos) de Haddad.

Manaus deu direita

Em Manaus, Bolsonaro venceu por 65,72% (686.999 mil votos) contra 34,28% (358.346 mil votos) de Haddad.

Uma diferença esmagadora de 328.653 mil votos na capital.

Apesar de Bolsonaro não indicar um nome para a disputa pela prefeitura de Manaus, esse recall com um mix de crença, valores e ideologia, pode fortalecer alguns nomes da direita e conservadores que irão disputar a prefeitura de Manaus.

Mesmo discurso

Na defesa dos mesmos valores e defendendo o discurso de Bolsonaro, foram eleitos no Amazonas dois deputados federais, Delegado Pablo e Capitão Alberto Neto e um deputado estadual, Delegado Péricles.

Pablo foi eleito com 151.649 votos (130.856 votos em Manaus).

Alberto foi eleito com 107.168 votos (93.226 votos em Manaus).

Péricles foi eleito com 30.573 votos (27.268 votos em Manaus).

Defesa dos valores

Entre os aliados que o presidente ganhou no Estado, está o presidente da Assembleia do Amazonas, deputado Josué Neto.

Josué vem sendo uma das principais linhas de defesa do governo federal e do próprio Bolsonaro no Amazonas.

Outro político que vem defendendo a direita é o vereador Chico Preto.

Conservador

Outro nome que vem na linha dos demais é o ex-superintendente da Suframa, Coronel Alfredo Menezes.

Recentemente Menezes foi demito por Bolsonaro e se filiou ao Patriotas, partido pelo qual pretende disputar as eleições.

Esperança

Apesar do apoio formal para a disputa pela prefeitura de Manaus não vir no 1º turno, o presidente poderá, contudo, apoiar colegas, amigos e padrinhos para vereadores.

“No tocante a vereador, eu tenho um amigo ou outro por aí, vou dar uma força para eles nisso aí”, disse o presidente em entrevista no mês de março.

Eleições em outubro

Após um impasse com o chamado Centrão, a Câmara avançou em um acordo para votar a Proposta de Emenda à Constituição que adia as eleições municipais deste ano para novembro.

Durante o fim de semana, líderes partidários e o presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ) conversaram para buscar uma saída depois que o Centrão, pressionado por prefeitos, passou a se opor à proposta aprovada pelo Senado na semana passada que adia para 15 e 29 de novembro o primeiro e o segundo turno da disputa municipal.

Pelo atual calendário, porém, as datas são 4 e 25 de outubro.

Se o acordo avançar, o adiamento das eleições pode ser votado nesta semana. Porém, o acordo tende a fracassar, pois grande parte dos Caciques do Centrão avaliam que uma campanha eleitoral mais curta elevaria as chances de reeleição de prefeitos aliados.

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

 

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 98413-2214

Publicado por Carlos Frazão/JI

 

você pode gostar também