Opinião | Candidatos milionários apresentam declaração de bens

Mais três candidatos apresentaram suas declarações de bens comprovando que fazem parte da privilegiada casta de milionários do Amazonas.

O quesito viabilidade financeira não é uma preocupação para muitos candidatos que devem disputar a eleição municipal deste ano em Manaus.

Mais três candidatos apresentaram suas declarações de bens comprovando que fazem parte da privilegiada casta de milionários do Amazonas.

2º mais rico

O ex-governador, Amazonino Mendes (Podemos), em sua declaração de bens revelou que, em dois anos, seu patrimônio cresceu de R$ 3,4 milhões para R$ 4,7 milhões.

Atualmente, Amazonino, é o 2º candidato mais rico deste pleito de 2020, com bens em investimentos, imóveis, veículos e lanchas, segundo informações do sistema DivulgaCand do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

3º mais rico

Alfredo Nascimento apresentou uma declaração de bens avaliados em R$ 3.006.174,02. Um crescimento de 200% em relação à declaração de 2018, quando foi candidato ao Senado e perdeu a eleição.
O candidato apoiado pelo prefeito Arthur Virgílio possui em seu nome quatro imóveis, uma lancha e dois automóveis.

4º mais rico

Alfredo Menezes, que comandou a Suframa por 16 meses, declarou bens que somaram mais de R$ 3,2 milhões, entre apartamentos, quotas, créditos em poupança, caderneta de poupança, casa e aplicações.
O ex-superintendete tem cinco apartamentos, sendo dois localizados no condomínio Everest, um no Soberane Residence Coprporate Mall, outros dois no residencial Vitalli e um no condomínio Ilhas Gregas.

Demais candidatos

Já David Almeida possui bens avaliados em R$ 857.529,00. Dos candidatos apenas Amil não tem bens em seu nome.

Vaquinha

Ontem (23), o candidato a prefeito de Manaus pelo partido Novo, Romero Reis, considerado o mais rico deste pleito, lançou uma ‘vaquinha virtual’ destinada aos apoiadores da chapa “Manaus tem pressa”, cujo o vice é Eduardo Costa.

Apesar de seu partido ter direito ao fundo eleitoral, a sigla abriu mão do recurso. Desta forma, Romero convida as pessoas que apoiam a não utilização dos recursos públicos em campanhas eleitorais para contribuírem, voluntariamente, com o projeto de uma transformação política para a cidade de Manaus.

Convite

“Nós, do partido NOVO, não usamos fundo eleitoral, fundo partidário, aliás, não usamos verbas públicas para nada! E como você pode nos apoiar nessa candidatura a prefeito de Manaus? Através da vaquinha eletrônica queroapoiar.com.br/romero você vai fazer parte desse projeto para inserir Manaus entre as melhores cidades brasileiras para se viver e trabalhar. Venha transformar nossa cidade! Manaus tem pressa. Vamos em frente”, disse Romero em vídeo publicado em suas redes sociais.

Vale lembrar que Romero Reis declarou à Justiça Eleitoral possuir R$ 25,5 milhões em bens.

CPI adiada ou cancelada

Pela 4ª vez a prorrogação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde foi adiada. Ontem (23), com 17 parlamentares presentes de forma híbrida e 3 faltando para completar o quórum necessário, a votação foi adiada novamente.

Proposital

“Não quero acreditar que o esvaziamento da sessão de hoje foi proposital e por não acreditar nisso, quero pedir que vossa excelência suspensa os trabalhos por 10 minutos e convoque no aplicativo da assembleia para que os deputados, mesmo que virtualmente, de forma híbrida, possam garantir o quórum” disse deputado Wilker Barreto (Podemos) fazendo um apelo à deputada Alessandra Campêlo (MDB) que presidia a sessão.

Até Amazonino

Wilker Barreto afirmou que quer que a CPI investigue a gestão de Amazonino mas também que investigue a gestão do Melo, Omar e a gestão temporária daqueles contratos de exames de 60 mil reais, do governo interino.

Nova votação

Ao que tudo indica, a votação da prorrogação voltará para a pauta hoje (24). O prazo é até a próxima terça-feira (29), quando a Comissão completa de fato, 120 dias.

 

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

WhatsApp: 92 98413-2214

Postado por Carlos Frazão/JI

 

 

você pode gostar também