Gov-01

OS OLHOS FALAM

Os olhos deixam visível aquilo que a boca cala.

Tudo começa através de um olhar. Deus olhou o “CAOS” e criou o “COSMOS” perfeito e maravilhoso. Uma amizade sincera começa com o olhar, um casal apaixonado não necessita de palavras, basta o olhar.

Os olhos falam, gritam, choram, dão um sorriso tímido e até mesmo uma gargalhada que não passa despercebida. Os olhos, definitivamente, falam. Soltam palavras mesmo quando não querem que ninguém as leia.

Os olhos deixam visível aquilo que a boca cala. Os olhos nos entregam. Os olhos nos revelam. Os olhos nos deixam nus, pois eles são a janela da alma e do coração.

Há olhares de todos os tipos: meigos, ingênuos, traiçoeiros, falsos, amorosos, bobalhões, misteriosos, destemidos, maldosos, bondosos e, o mais cativante de todos, O OLHAR SINCERO.

Os olhos chegam lá antes de tudo e de todos. Sabem captar aquilo que fica no ar. Sabem interpretar tudo como ninguém. Enxergam as intenções, as emoções, os segredos, a essência, a razão, as mentiras e até mesmo as mais difíceis entrelinhas.

Em tempos de Pandemia, falamos com os olhos. Eles mostram aquilo que a máscara que usamos esconde.

Com os olhos expressamos: sorriso ou tristeza, simpatia ou antipatia, calma ou agitação, segurança ou insegurança, medo ou confiança…

O fato é que neste momento especial de distanciamento e cuidado nosso olhar fala por nós.

Falemos então coisas boas e positivas e deixemos que Deus se manifeste através de nosso olhar.

 

 

Por irmã Maria Helena Teixeira, Teóloga, Missionária, escritora

Colaboradora JI

 

 

você pode gostar também