Parintins reverencia sua Santa Padroeira, Nossa Senhora do Carmo

Após a chegada do andor na noite de ontem, neste feriado municipal, Parintins presta sua homenagem a Virgem do Carmelo, onde são esperados mais de 60 mil fiéis no encerramento de 11 dias de festa em honra à Padroeira da Diocese de Parintins (Foto: Yuri Pinheiro)

Várias Missas estão marcadas para este dia 16 de julho, e às 17h terá início a Procissão Solene com a Imagem da Virgem Peregrina pelas ruas da cidade.

Este dia 16 de julho é comemorado o dia da Nossa Senhora do Carmo e não podemos não falar dela sem atrelar a sua história a origem de um símbolo de fé da Igreja Católica, o escapulário. Foi ela quem o consagrou e de certa forma o tornou popular entre os católicos de todo o mundo.

História

O nome de Nossa Senhora do Carmo está totalmente ligado a região do Monte Carmelo (em hebraico, “carmo” significa vinha; e “elo” significa senhor; portanto, “Vinha do Senhor”). Foi ali que os profetas Elias e Eliseu se refugiaram, tornando o lugar o cenário de um dos acontecimentos mais importantes do Antigo Testamento e onde se reuniram e juntos construíram uma pequena capela em homenagem a Nossa Senhora e por isso ganharam o nome de “Ordem dos Carmelitas”.

Esse local não foi escolhido à toa, já que é considerado um local sagrado, principalmente por conta das ações do profeta Elias que em questão teve como prova de Deus sua manifestação o defendendo e mostrando que era o único Deus.

Um tempo depois, a Ordem foi para a Europa onde enfrentaram tempos muito difíceis. Mas foi ali que São Simão Stock consagraria a história e origem do escapulário. O ano era 1251 e São Simão estava orando e pediu um sinal de proteção a Nossa Senhoracontra os seus possíveis inimigos. Foi ali que recebeu dEla um escapulário com a promessa de proteção para todos aqueles que o usassem.

“Recebe, filho amado, este escapulário. Todo o que com ele morrer, não padecerá a perdição no fogo eterno. Ele é sinal de salvação, defesa nos perigos, aliança de paz e pacto sempiterno”.

Depois desse episódio, os carmelitas ficaram conhecidos como uma das maiores ordens da Igreja Católica. A ordem dos Carmelitas proveu para o mundo muitos santos importantes da história como: Santa Tereza D’Ávila, Santa Terezinha do Menino Jesus, São João da Cruz e inúmeros outros.

Oração à Nossa Senhora do Carmo

“Ó Senhora do Carmo, revestido de vosso escapulário,
eu vos peço que ele seja para mim sinal de vossa maternal proteção,
em todas as necessidades, nos perigos e nas aflições da vida.
Acompanhai-me com vossa intercessão,
para que eu possa crescer na Fé, Esperança e Caridade,
seguindo a Jesus e praticando Sua Palavra.
Ajudai-me, ó mãe querida, para que, levando com devoção vosso santo Escapulário,
mereça a felicidade de morrer piedosamente com ele, na graça de Deus,
e assim, alcançar a vida eterna. Amém.”

 

Fonte: www.nossasagradafamilia.com.br

Postado por Carlos Frazão/JI

Fotos: Yuri Pinheiro/Arquivo JI