Parintins traz bons resultados da WTM Latin América

O município de Parintins participou nos dias 02, 03 e 04 da maior feira de turismo do mundo, a World Travel Market (WTM) Latin América, realizada na cidade de São Paulo (SP). Direcionamentos e muitas perspectivas de negócios são alguns dos resultados da participação do município no evento.

Museu dos Bois, Implantação da Coleta Seletiva, Proposta de Financiamento e Incentivo a Cultura e as Artes e Comunidades de São Paulo da Região da Valéria-Acesso, Acessibilidade e Infraestrutura Política, foram os projetos defendidos durante a feira.

“Somos o 10º maior festival do mundo e precisamos firmar isso no meio turístico, no meio cultural e é esse o papel da gestão do prefeito Bi Garcia e Tony Medeiros, de incentivar a nossa cultura seja nas feiras, seja nos prêmios que Parintins  recebe e, nada mais justo que fixar o nome de Parintins a nível internacional. Temos uma gama de eventos, consolidamos o nosso carnaval, o Carnaboi , Festa de Nossa Senhora do Carmo, Festival de Toada, as Pastorinhas, e nosso papel é buscar inventivos , para encontrar o caminho e conseguir mais recursos para investir no município”, pontuou a secretária de Cultura, Turismo e Meio Ambiente, Karla Viana.

Representando Parintins, juntamente com a secretária estiveram o subsecretário de Meio Ambiente, Alzenilson Aquino, a coordenadora de Turismo Karla Garcia e assessora técnica Larice Butel, que defenderam os temas.

A secretária Karla Viana, agradeceu o empenho da equipe na apresentação dos projetos junto ao Ministério do Turismo, além das articulações possibilitando projetar o município e o Festival Folclórico, por meio das entrevistas concedidas aos meios de comunicação que resultou no convite para a Abav Expo 2019, em setembro.

A World Travel Market (WTM) Latin America é considerado como o principal evento mundial do setor de viagens e turismo da América Latina que reúne profissionais do setor do turismo de todos os continentes, favorecendo o intercâmbio de informações e de contatos profissionais.

 

Bruna Karlla/SECTUR/SECOM