Estado

Quero meu troco em dinheiro…

O consumidor precisa do troco para aplicar em outro fim.

Faz tempo que o consumidor não ver o troco em dinheiro, porque os bombons, chicletes e fósforos substituem os centavos. O comércio adotou essa prática irresponsável e tem deixado o comprador sem alternativa. Toda vez, na hora de pagar a compra e o consumidor receber o troco, o vendedor anuncia a escassez de moedas. Ninguém merece isso. É necessário uma intervenção imediata do PROCOM. O consumidor não deve aceitar, pois o comércio trabalha com dinheiro e os comerciantes têm que dar jeito de ter moedas no caixa.

Se o consumidor trouxesse de casa 1 real em bombons para completar uma determinada compra, certamente, o comerciante não iria aceitar. Ou iria? Eu vou além: em um caso assim, seria um insulto para o comerciante.

O troco em dinheiro é essencial. O consumidor precisa do troco para aplicar em outro fim. Quando o troco em dinheiro é transformado em bombons, chicletes ou fósforos o comerciante vende toda a mercadoria, fica rico e o consumidor fica sem dinheiro para retornar o comércio outra vez. É por isso que eu digo: quero meu troco em dinheiro.

 

Aroldo Bruce, jornalista, colaborador JI

Imagem: Divulgação

 

 

você pode gostar também