Saullo Vianna destaca avanços com conclusão do Prosai em Maués

Os entornos da Lagoa do Prata e Lagoa da Maresia passaram a ter espaços de lazer e prática esportiva.

O deputado Saullo Vianna participou, neste sábado (19), da inauguração das obras do Programa de Saneamento Integrado de Maués (ProsaiMaués). O município é o primeiro do interior do Amazonas a receber o maior pacote de obras e investimentos em saneamento básico.

Saullo destacou a conclusão ProsaiMaués e adiantou que, vai reivindicar junto ao Governo do Estado, que o Prosai possa ser realidade também em outros municípios do interior.

“Conheci Maués antes da conclusão do Prosai, uma obra esperada há muitos anos pela população, que tirou centenas de famílias de áreas alagadiças, e mudou para melhor a realidade da cidade. Na condição de vice-líder do governo na Assembleia Legislativa e representante do interior, vou defender que o Prosai seja realidade também em outros municípios do Amazonas”, frisou.

O governador do Amazonas, Wilson Lima e o prefeito de Maués, Júnior Leite fizeram a entrega oficial das obras que foram voltadas para solucionar problemas de saneamento básico, urbanísticos e socioambientais.

Os entornos da Lagoa do Prata e Lagoa da Maresia passaram a ter espaços de lazer e prática esportiva.

O município, localizado a 276 quilômetros da capital, torna-se modelo no Estado do Amazonas ao receber a maior cobertura de rede de tratamento de esgoto. A distribuição de água potável, nesse primeiro momento, cobre 92% da sede de Maués.

O investimento foi de US$ 35 milhões, sendo US$ 24,5 milhões do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e US$ 10,5 milhões de contrapartida do Governo do Estado. O programa foi executado pela Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE) do Governo do Amazonas e englobou a urbanização das lagoas do Maresia e Prata, obras de construção e recuperação para captação, armazenamento e distribuição de água, além da recuperação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) e rede de esgoto do município.

O ProsaiMaués construiu mais de 18 mil metros de rede de coleta de esgoto e mais de 50% das residências do município estão ligadas à rede de coleta de esgoto. Com o programa, a expectativa é, ainda, fomentar o turismo e o desenvolver a economia através das obras de infraestrutura.

 

Mahira Maia/Assessoria de Imprensa/ Fotos: Samuel Costa

você pode gostar também