SEMED entrega livros didáticos para alunos das escolas de Parintins

A Secretaria de Educação começou nesta segunda (18), no Centro de Geração de Ações e Rendas Professora Aldair Kimura Seixas, a entrega dos livros didáticos para os alunos das escolas da zona urbana e rural do município. Alunos do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental estão recebendo livros de Língua Portuguesa, Matemática, Ciências Naturais, Arte, Inglês, História e Geografia para serem utilizados durante o ano letivo de 2019.

Neste ano, alunos dos Centros de Educação Infantil da zona urbana e rural também receberão livros, incluindo acervo literário e didáticos que foram adquiridos por meio do PPDE Interativo, do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

A entrega dos livros faz parte das ações do Governo Federal em parceria com os municípios que envia às escolas de educação básica pública obras didáticas, pedagógicas e literárias, além de outros materiais de apoio à prática educativa, sistemática, regular e gratuita aos alunos e professores.

De acordo com o secretário de Educação, João Costa, os livros que estão sendo entregues aos alunos vão permitir um ensino com mais qualidade nas diversas áreas do conhecimento. “Ressaltamos o compromisso do prefeito Bi Garcia em ofertar aos nossos alunos e professores da rede municipal de educação materiais de qualidade para que possam ser usados no processo ensino-aprendizagem de nossas crianças da Educação Infantil e dos alunos do Ensino Fundamental”, destacou o secretário João Costa.

Segundo a professora Joaquina Vieira, responsável pela entrega dos livros, só podem receber os livros didáticos e os acervos literários os gestores ou coordenadores pedagógicos e os professores das escolas unidocentes. “Peço aos gestores, coordenadores e os professores das escolas unidocentes que venham até a escola Aldair Kimura para receber os livros didáticos. Estaremos entregando por todo mês de fevereiro e também no mês de março até que todas as escolas recebam os livros”, disse a professora Joaquina Vieira.

 

SEMED/SECOM