Campanha Caburi

Três detentos fogem do presídio de Parintins

Os presidiários José Lúcio Sares (Anjinho), Kildson Moraes conhecido “De Boa” e Luiz Mario Martins, fugiram na manhã de hoje, 04, do Presídio Municipal de Parintins (369 km de Manaus) através de uma cratera feita na lateral do muro da Unidade Prisional com acesso à Avenida Nações Unidas (em frente à  escola Senador João Bosco).

“Abriram um buraco, possivelmente durante a noite ao lado do muro que fica a frente da escola Senador João Bosco. Hoje pela manhã fomos surpreendidos com o buraco. Foi realizado a conferência através de chamada e foi constatada a fuga de três presidiários”, relatou o diretor da Unidade Prisional na cidade, Bosco Paulain.IMG-20151104-WA0005

Bosco Paulain informa ainda que “os trabalhos de investigação com relação ao horário e como eles conseguiram fazer o buraco já iniciaram, assim como os trabalhos de buscas também já iniciaram em busca dos fugitivos”.

O gestor da Escola Senador João Bosco, Vinicius Garcia comenta que ao chegar pela manhã na escola, deparou-se com o movimento na frente da escola e para sua surpresa estava vivendo mais uma vez a situação que todos são sabedores por ter um presídio em frente à escola. “Isso nos preocupa muito porque a um procedente grande da insegurança, da vulnerabilidade que existe no nosso presídio e mais uma vez como gestor de uma instituição de ensino eu peço que, por favor, que se resolva essa situação com relação ao presídio. Ficamos muito preocupados, convivemos todos os dias com 600 pessoas aqui dentro da escola e não podemos imaginar o que poderá acontecer dentro de um fato desses de uma maior proporção”, entristecido diz o Gestor.

Vinicius Garcia faz um apelo e pede às pessoas que tem o poder de decisão, que resolvam a questão, porque  a cada dia que passa a cada novos acontecem, sempre retornando em nossa mente ao fato lamentável (rebelião) e todos na escola já trabalham em situação de medo.

De acordo com os policiais, os fugitivos são de alta periculosidade. O José Lúcio conhecido “Anjinho” responde pelo crime de tráfico de droga. Kildson Moraes por homicídio, e Luiz Mário pelo crime de tráfico, além de comandar a facção criminosa ‘Família do Norte’ (FDN) na cidade.

Kedson Silva/JI

 

você pode gostar também