UEA inicia distribuição de chips com pacotes de dados para estudantes

Estudantes da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), da capital e do interior, em condição de vulnerabilidade comprovada, receberão, a partir desta semana, pacotes de dados disponibilizados pela instituição. O primeiro carregamento de chips foi entregue, nesta segunda-feira (31), à Reitoria da UEA.

A ação é realizada pela Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários (Proex/UEA) e já estava prevista em resolução, simultaneamente com o projeto de Monitoria Digital e Voluntariado.

“Um tempo novo requer soluções novas. Estamos investindo para reduzir a vulnerabilidade, trazer simetria, aproximar nossos alunos do interior e da capital que possuem dificuldade de conexão e favorecer a oportunidade da atividade do ensino-aprendizagem de forma consistente. É um semestre que está sendo realizado totalmente por tecnologias educacionais digitais”, enfatizou o reitor da UEA, Cleinaldo Costa.

O reitor reitera que a nova realidade veio para ficar. “Essas tecnologias incorporadas a nossa prática serão atividades cotidianas na nossa Universidade. Estamos falando sobre usar extensivamente a telefonia, as tecnologias educacionais digitais, ferramentas de videoconferência, ambientes virtuais de aprendizagem, o que já está fortalecendo essa experiência dentro da Universidade. Isso naturalmente, em cenários próximos, junto com atividades presenciais, nos trará um cenário híbrido de educação, muito focado em tecnologia”, ressaltou.

Pacote de Dados – De acordo com a gerente executiva de Contas da empresa Claro, Caroline Ramos, os pacotes disponibilizam uma franquia de dados com 5G de capacidade. “Ele possibilita realizar ligações de Claro pra Claro, com custo zero, além de permitir o acompanhamento das aulas virtuais, com qualidade de sinal”, disse Caroline. A rede da Claro atende todos os municípios do Amazonas.

O pró-reitor de Extensão e Assuntos Comunitários da UEA, André Tannus Dutra, ressalta que os alunos cadastrados como vulneráveis recebem junto com o pacote de dados, todo o apoio necessário nas unidades sobre a utilização do serviço. “Além disso, todo o processo pedagógico passa a ser monitorado”, enfatiza.

Para esclarecer dúvidas, dar sugestões e saber como utilizar a plataforma da melhor maneira e sobre o uso do pacote de dados, basta acessar o  perfil da Proex pelo Instagram @proexuea.

 

Fotos: Gerson Freitas/UEA

Mais informações: Assessoria de Comunicação da Universidade do Estado do Amazonas (UEA): Cristina Magda Góes (99998-4230), Jacqueline Nascimento Costa (98262-5108) e Gerson Freitas (98181-1898).

Postado por Carlos Frazão/JI

você pode gostar também