UNIDOS DO ITAÚNA, FAX, LAGARTO E PANTERA SÃO OS CAMPEÕES DO CARNAILHA 2015

Pelo formato sem desfile em avenida, os jurados avaliaram somente aos quesitos rainha, samba de enredo e marchinha

O bloco Unidos do Itaúna levantou o troféu de campeão da Chave Especial. O bloco Foliões da Amazônia Xamanística (FAX) conquistou o título da Chave A. Já na Chave B, dos blocos irreverentes, houve empate entre Lagarto Salgado e Pantera Cor de Rosa, com notas máximas. O resultado do Carnailha 2015 foi divulgado na manhã desta quarta-feira, 18, pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur).

Pelo formato sem desfile em avenida, os jurados avaliaram somente aos quesitos rainha, samba de enredo e marchinha. Nos 10 anos de fundação, Lagarto Salgado levou para o palco enredo sobre o mundo cor de rosa. O presidente do bloco, Leandro Carvalho, comemora a vitória e a dedica ao bairro Francesa. “Nos dois últimos anos, não ficamos nem em terceiro lugar. Em oito anos, sempre levamos um título para a comunidade”, afirmou.

“Esse ano só eram dois itens de votação. Então, fizemos um investimento certo na rainha, com fantasia e irreverência. A gente faz uma marchinha para contagiar. A letra falava do domingo de carnaval, contra o preconceito, que aceita todas as classes, opções sexuais e cores. Apostamos sempre na animação e um enredo mais solto”, disse o representante do bloco Pantera Cor de Rosa, o compositor Adriano Aguiar.

FAX não vencia há três anos e brigou pelo título com o enredo “Néctar da alegria, cerveja”. “Viemos organizamos. O que dava para fazer foi feito, com as condições financeiras. Fomos com muita alegria e isso fez a diferença”, assegurou o presidente do bloco, Maurício Porto. O bloco Unidos do Itaúna, depois de ameaçar ficar fora do Carnailha 2015, devido a demora na definição, quebrou jejum de cinco anos sem título da Chave Especial.

Unidos do Itaúna apresentou enredo sobre o povo Sateré-Mawé. O presidente do bloco, Edmar Bittencourt, agradeceu especialmente o apoio da comunidade dos bairros Itaúna I e II. “Acreditávamos no título de 2015. Tivemos muita dificuldade, mas nós superamos e mostramos que o Itaúna também é um dos grandes do carnaval. Não tenham dúvida disso. Parabéns a todos os envolvidos nesse projeto”, destacou.

 

ParintinsAmazonas.com.br

você pode gostar também